Estudos IVV - ViniPortugal

Leia aqui estudo sobre o Espumante

FÓRUM ANUAL VINHOS DE PORTUGAL 2016

Consulte a Agenda Vinhos de Portugal 2016

INFORMAÇÃO AO SECTOR IVV / VINIPORTUGAL

Conheça aqui os Resultados!

Detalhes Notícia

JAPÃO E SINGAPURA SÃO NOVOS MERCADOS PARA PROMOÇÃO DOS VINHOS DE PORTUGAL

Press Release ViniPortugal  - Portugal 03-12-2013

O plano de promoção conjunta dos Vinhos de Portugal – da ViniPortugal e das entidades certificadoras – está a ser divulgado hoje no Fórum Vinhos de Portugal, organizado pela ViniPortugal, na Curia. Japão e Singapura são os dois novos mercados que passam a integrar o Plano de Promoção da ViniPortugal, concentrada até aqui em 10 mercados estratégicos. Por apresentarem diversas oportunidades para os vinhos portugueses concentrarão um investimento de cerca de 200 mil euros, num plano de formação e educação de profissionais, jornalistas especializados e canal Horeca.

 

No painel da manhã do Fórum foram ainda expostas as oportunidades concorrenciais para os vinhos portugueses em mercados não tradicionais, como Marrocos, Colômbia, Rússia, entre outros. 

 

Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal salienta que “A ViniPortugal gostaria de sensibilizar os produtores de vinho nacional para as múltiplas oportunidades que existem em mercados que não estão a ser trabalhados. Portugal têm-se especializado num relativo número de mercados mas existem outros mercados em África, onde existe procura e consumo de vinhos com qualidade ou na Ásia, onde há mercados com potencial interessante que deve ser trabalhado. Destaca-se o exemplo do Japão com mais de 16.000 escanções, especialistas que têm conhecimento sobre o vinho e conhecem a história de Portugal, mas onde o vinho português está ainda sub-representado.”

 

«Existem mercados que podem ser abordados directamente pelos produtores, num trabalho minucioso e continuado. É o caso de Marrocos, pela proximidade e afinidade que tem com Portugal. Não tem a dimensão dos 10 mercados estratégicos mas importa 18 milhões de euros e Portugal pode tentar conquistar uma boa posição. A promoção continuará estratificada em “Marca País”, “Região” e “Marca Privada”, devendo permanecer a promoção Vinhos de Portugal concentrada nos 10 mercados estratégicos das exportações dos Vinhos de Portugal e nos dois novos mercados, mais distantes e por isso menos fáceis de trabalhar.» acrescenta o mesmo responsável.